RIO BRANCO

BRASIL

Bombeiros resgatam 11 turistas da mesma família que se afogavam ao mesmo tempo em praia

Publicado em

BRASIL

Bombeiros resgatam 11 turistas da mesma família que estavam se afogando em praia, na PB — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros da Paraíba

O Corpo de Bombeiros resgatou 11 turistas de Brasília, da mesma família, que estavam se afogando na praia de Coqueirinho, em Conde, na grande João Pessoa. O fato aconteceu no final da tarde desta sexta-feira (21), quando três adultos e oito crianças caíram em uma vala.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, os turistas acessaram o banco de areia da praia pelas pedras. Na hora de retornar, ao invés de voltar pelas pedras, resolveram seguir por dentro da praia, quando caíram dentro de uma vala e começaram a se afogar.

No momento, os guarda-vidas presentes na praia de Coqueirinho já estavam indo ao encontro deles para alertar sobre a existência da vala. A equipe utilizou flutuadores e conseguiu resgatar todos a tempo. Nenhum deles precisou de atendimento médico.

Continua depois da publicidade

Orientações do Corpo de Bombeiros

Nas redes sociais, o Corpo de Bombeiro divulgou cinco orientações para que turistas e moradores curtam a praia com mais segurança. Entre as indicações está respeitar as sinalizações e avisos. “Não entre na água com bandeira vermelha”, sugere a corporação.

Leia Também:  Homem tem rosto desfigurado ao ser morto com mais de 30 tiros

Além disso, os banhistas devem:

  • Aproveitar a praia somente na presença de guarda vidas e nunca alcoolizado;
  • Costões e locais com pedras são impróprios, não entre na água, risco de morte;
  • Ajude um afogado ligando 193, e ao invés de entrar para salvar, jogue um material flutuante e aguarde o socorro profissional chegar.

Os bombeiros sugerem também que qualquer pessoa, ao entrar no mar, sempre fique de olho do nível na água — quando ela estiver no umbigo, por exemplo, é um sinal de perigo. “Caso seja pego por uma corrente fique calmo, não lute contra, flutue e acene por ajuda imediatamente”, informa.

Continua depois da publicidade
Propaganda
Propaganda

POLÍCIA

POLÍTICA