Search
Close this search box.
RIO BRANCO

CIDADES

Guaíba sobe 38 centímetros em 12 horas e volta a inundar Porto Alegre

Publicado em

Em meio aos fortes ventos que atingem a região metropolitana de Porto Alegre, o nível do Lago Guaíba subiu 38 centímetros desde a noite de domingo, 2, e atingiu a marca de 3,82 metros por volta das 9h desta segunda-feira, 3. O monitoramento é realizado pela Agência Nacional de Águas (ANA) e pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (Sema) do Rio Grande do Sul.

A rápida elevação fez o lago superar a cota de inundação de 3,60 metros e transbordar, voltando a alagar as ruas de Porto Alegre. Por volta das 10h desta segunda-feira, a cidade registrava dezenove ocorrências de enchentes nas ruas, sendo quinze situações de vias completamente bloqueadas por acúmulo de águas, segundo informação da prefeitura da capital gaúcha.

Uma das estações de bombeamento de água do município, a Ebap 16, foi desligada pela concessionária de energia CEEE Equatorial em razão de manutenção nos serviços elétricos, e deve ser religada até o meio-dia de hoje, de acordo com o Departamento Municipal de Água e Esgotos (DMAE). Os motores são essenciais para bombear água de volta ao Guaíba e evitar o alagamento das ruas na região central de Porto Alegre.

Continua depois da publicidade

Risco de inundações continua elevado

Nesta segunda-feira, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de perigo potencial para mais ventos fortes em 30 municípios da região metropolitana de Porto Alegre e Sudeste Rio-Grandense, além de 27 cidades no sul de Santa Catarina e Grande Florianópolis.

De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden), o risco de mais inundações causadas pelo transbordamento do Guaíba ainda é considerado alto em razão dos ventos e da possibilidade de mais chuvas na região.

Também encontram-se em alerta os municípios na região da Lagoa dos Patos, no sudeste do Rio Grande do Sul, que recebe o escoamento das águas do Guaíba. Por volta das 7h de hoje, o nível da laguna encontrava-se em 1,73 metro no bairro do Laranjal, em Pelotas, ligeiramente acima da cota de inundação de 1,70m, segundo a Agência Nacional de Águas.

Propaganda
Advertisement