Search
Close this search box.
RIO BRANCO

CIDADES

Tragédia no RS: nº de mortos sobe para 169 e 56 seguem desaparecidos

Publicado em

O número de mortes relacionadas à tragédia climática que atinge o Rio Grande do Sul chegou a 169, conforme balanço divulgado pela Defesa Civil do estado na manhã deste domingo (26/5). O informe ainda dá conta de que 56 pessoas seguem desaparecidas.

Em relação ao boletim anterior, divulgado na noite desse sábado (25/5), houve um aumento de três mortes.

Ao todo, 469 municípios foram afetados pelas fortes enchentes que atingiram o estado e deixaram um rastro de destruição. Além de prejudicar a infraestrutura da cidades e resultar em mortes, a tragédia deixou 806 pessoas feridas.

Continua depois da publicidade

Mais de 581 mil estão desalojadas, além de que 77,7 mil foram resgatadas pelas forças de segurança do estado e 55 mil encontram-se em abrigos.

Conforme medição realizada na manhã deste domingo, o Guaíba segue acima dos 4 metros, portanto, mais de um metro acima da cota de inundação. A redução do nível da água, de acordo com projeção do Serviço Geológico do Brasil (SGB), pode levar dias.

A Defesa Civil também acompanha a situação em outros rios do estado e informa que estão acima da cota de inundação o Rio Gravataí (na cidade de Gravataí), Rio dos Sinos (em São Leopoldo), Rio Jacuí (em Rio Pardo) e Lagoa dos Patos (em São Lourenço do Sul).

Propaganda
Advertisement