Search
Close this search box.
RIO BRANCO

ENTRETENIMENTO

MULHER DE CAETANO ROMPE O SILÊNCIO SOBRE PROCESSO MILIONÁRIO DE GOVERNANTA. VEJA O QUE DISSE!

Publicado em

Paula Lavigne, mulher de Caetano Veloso, rompeu o silêncio sobre as ações trabalhistas movidas contra o casal por uma governanta, que pede R$ 2,6 milhões de indenização.

O colunista Guilherme Amado, do Metrópoles procurou Paula para comentar o assunto. “São fatos muito graves, que estão sob investigação policial e, também, são objeto de ações judiciais (…) Ela (Lavigne) não vai expor a ex-funcionária pela mídia com revelações e narrativas que devem ser apresentadas apenas ao Judiciário”, diz o texto enviado por sua advogada, manifestou ela através de uma nota enviada por sua equipe jurídica.

Segundo nota da defesa de Edna, ela foi “vítima de Paula” e “foi submetida a um padrão sistemático de abusos psicológicos e morais, fatos que ainda serão levados ao conhecimento do Judiciário Trabalhista em momento oportuno”.

Continua depois da publicidade

Segundo reportagem da revista Veja, a funcionária em questão, Edna Santos, trabalhava para o casal desde 2002 e foi demitida por justa causa, no último dia 6 de maio, acusada de furtar garrafas de bebidas alcoólicas, se hospedar clandestinamente em uma casa do casal na Bahia, usar o carro da empresa de Caetano para fins particulares e ainda roubar “alguns” dólares.

Propaganda
Advertisement