Search
Close this search box.
RIO BRANCO

ENTRETENIMENTO

Repórter do SBT adota cãozinho que abraçou sua perna no RS: ‘Surgiu uma amizade’

Publicado em

O repórter do SBT Paulo Mathias adotou o cãozinho que abraçou sua perna durante a cobertura da tragédia no Rio Grande do Sul. O animal foi resgatado na enchente, mas seus tutores anteriores estão entre os 88 desaparecidos na região em meio às cheias históricas no Estado.

“No meio do caos surgiu uma amizade”, escreveu Paulo sobre o cachorro. “Muito além de uma simples cobertura jornalística. Foi a nossa evolução como seres humanos. Estamos voltando agora pra São Paulo. Obrigado pelo carinho de vocês”, escreveu ele, ao retornar à capital paulista após dias de trabalho no RS.

O cachorro foi resgatado na cidade de São Leopoldo, uma das muitas que estão em situação de calamidade pública. Devido a isso, ele ganhou o nome de Leopoldo.

Continua depois da publicidade

A atitude do repórter gerou diversos comentários fofos no Instagram. “Tirou a sorte grande”, disse um seguidor de Paulo Mathias. “Passei a te segui por conta do Leopoldo! Por conta da sua atitude nobre! Que vocês todos sejam muito felizes!”, comentou outra admiradora do jornalista.

“Quero sempre acompanhar a rotina de Leopoldo”, afirmou mais um. “Leopoldo soube agarrar a oportunidade”, brincou outro seguidor . “Leopoldo vivendo a vida que merece, depois do trauma”, disse uma quinta.

No último domingo, 19, Paulo Mathias compartilhou um vídeo de Leopoldo já acostumado com a vida boa. Nas imagens, o cachorro aparece descansando após um passeio no Shopping Cidade Jardim, um dos mais luxuosos da cidade. Os seguidores, claro, amaram. “Leopoldo vivendo a vida de puro luxo. To amando”.

Situação no RS

O número de pessoas que precisam de abrigo no Rio Grande do Sul voltou a cair nesta quarta-feira, 15, de acordo com o último balanço divulgado pela Defesa Civil do estado. São 76.580 pessoas abrigadas, 2.914 a menos do que na terça-feira, 14. Os temporais que atingem o estado desde o final de abril já mataram 149 pessoas.

Até agora, 2,1 milhões de moradores de 446 municípios gaúchos foram afetados pela tragédia. Mais de 76 mil resgates já foram realizados. Ainda assim, 108 pessoas seguem desaparecidas por conta das inundações.

Continua depois da publicidade

Confira abaixo o balanço completo da Defesa Civil:

Municípios afetados: 446
Pessoas em abrigos: 76.580
Desalojados: 538.245
Afetados: 2.124.553
Feridos: 806
Desaparecidos:108
Óbitos confirmados: 149
Óbitos em investigação: 0
Pessoas resgatadas: 76.588
Animais resgatados: 11.427
Efetivo: 27.651
Viaturas: 4.405
Aeronaves: 45
Embarcações: 340

 

Propaganda
Advertisement