Search
Close this search box.
RIO BRANCO

ENTRETENIMENTO

Vanessa da Mata revela por que se afastou da Igreja Católica; Veja

Publicado em

Vanessa da Mata revela motivo que a levou a se afastar da Igreja Católica em podcast Foto: Reprodução/YouTube/Foquinha

A cantora Vanessa da Mata revelou, em entrevista, por que se afastou da Igreja Católica, doutrina na qual foi inserida durante a infância. Ela passou a seguir o Candomblé já adulta. A artista, hoje com 48 anos, contou que sofreu assédio sexual de um sacerdote quando criança.

“Eu era a menina que ‘puxava’ as rezas nas casas das pessoas com a minha avó, depois tinha um padre bem nojento, que tentou ‘me comer’ de qualquer maneira, e eu me afastei da igreja completamente”, contou a cantora no podcast da Foquinha, ao abordar o assunto de espiritualidade.

Apesar das investidas do sacerdote, algo pior não aconteceu a Vanessa. A artista atribui isso à proteção da avó, que, segundo ela, sempre a “puxava” na hora certa. “Ela sempre passava, parecia uma proteção espiritual”, acrescentou.

Continua depois da publicidade

O assédio fez com que Vanessa sentisse ‘revolta’ e demorasse a se reconectar com seu ‘lado espiritural’. Foram anos até que ela entendesse que toda a situação era motivada pelo homem, não pelos santos.

“Mas aí eu me fechei no candomblé, o que foi ótimo para mim”, admitiu a cantora.

Antes ateia, Vanessa da Mata revelou, durante o lançamento de seu sétimo álbum, ‘Vem doce’, em 2023, que abraçou o Candomblé por razões espirituais.

“Enfrentei um momento da vida em que estava completamente aberta. Não sabia o que estava acontecendo. Via vultos, pessoas na minha frente, energias que não eram humanas. Coisas que não tinham explicação. Foi aí que procurei o Candomblé para me fechar. Para fechar o corpo, como dizem”, disse ela à revista Veja.

Propaganda
Advertisement