Search
Close this search box.
RIO BRANCO

ESPORTES

Corinthians tem 1º tempo de sonho, atropela Argentinos Jrs e se classifica

Publicado em

Yuri Alberto, do Corinthians, comemora seu gol sobre o Argentinos Jrs, pela Sul-Americana Imagem: Ettore Chiereguini/Agif

O Corinthians sobrou em campo, venceu um atrapalhado Argentinos Juniors por 4 a 0 na Neo Química Arena e carimbou sua classificação antecipada na Sul-Americana.

Yuri Alberto, duas vezes, Wesley e Fausto Vera marcaram na partida. O camisa 9 se isolou na artilharia do time no ano, com 11 gols, enquanto a jovem promessa deixou o dele por cobertura. O meio-campista argentino ainda aplicou a “Lei do Ex”.

O Alvinegro paulista foi a dez pontos no Grupo F, eliminou o rival e avançou de fase, embora ainda não tenha confirmado a vaga direta nas oitavas. O Corinthians segue um ponto atrás do líder Racing-URU e apenas o primeiro colocado tem a classificação direta, enquanto o segundo vai para os playoffs das oitavas.

Continua depois da publicidade

O clube do Parque São Jorge tem um confronto direto na última rodada, que será daqui a duas semanas, e só depende de si para terminar na liderança. O time comandado por António Oliveira enfrentará o Racing-URU no dia 28, novamente em casa, e ultrapassa o rival em caso de vitória. Já o próximo compromisso do time será no domingo (19), contra o Botafogo, em Itaquera, caso o Brasileirão não seja paralisado por causa da situação calamitosa no Rio Grande do Sul.

Curiosidade: Foi a primeira vez que o Corinthians bateu o Argentinos Juniors. Nos três confrontos anteriores, foram dois triunfos do time de Buenos Aires e um empate

Como foi o jogo

António Oliveira retomou a linha de quatro defensiva após o teste frustrado contra o Flamengo. O treinador português desistiu do esquema com três zagueiros, escalou o time novamente com um trio de atacantes e contou com o retorno do volante Raniele.

O Argentinos Jrs começou sufocando, mas o time da casa abriu a contagem em sua primeira chegada — com direito a jogada ensaiada. Os visitantes tentaram surpreender nos primeiros minutos, pressionando e marcando a saída de bola. O Alvinegro paulista levou calor até que Fagner foi derrubado perto da área adversária.

Em vantagem, o Corinthians se armou no contra-ataque e marcou mais duas vezes no primeiro tempo em duas trapalhadas do adversário. A equipe argentina acabou se expondo em busca de uma reação, vacilou no próprio campo de defesa e os donos da casa não perdoaram. querendo deixar o dele.

Continua depois da publicidade

O clube do Parque São Jorge voltou com a mesma intensidade e buscou a goleada, que veio no apagar das luzes para completar a festa. Gustavo Henrique entrou no lugar de Félix Torres, que foi substituído no intervalo após ter sentido o tornozelo diversas vezes na etapa inicial. O Corinthians teve volume no segundo tempo e também cedeu espaços, mas viu um seguro Carlos Miguel trabalhar para sair ileso e Fausto Vera ainda fez o quarto nos acréscimos.

Gols e destaques

1×0 em jogada ensaiada: Aos nove minutos do primeiro tempo, o Corinthians abriu o placar em cobrança de falta. Garro fingiu que ia ajeitar a bola, Fagner cobrou com efeito e Yuri Alberto subiu livre para cabecear e balançar as redes. Romero estava em posição de deliberada de impedimento, mas ficou imóvel e não interferiu no lance.

Quase o segundo: Aos 26′, Wesley recebeu na esquerda, partiu para cima do marcador, ajeitou para a direita e mandou um chutaço. Rodríguez cedeu rebote ao fazer a defesa, mas Romero bateu pressionado e mandou por cima.

Garro em dobro: Aos 29′, o camisa 10 alvinegro arriscou de canhota de longe, Rodríguez se esticou e fez a defesa. Pouco depois, o meia argentino recebeu na entrada da área e arriscou de novo, mas Rodríguez espalmou mais uma vez.

2×0 com lambança: Aos 40′, o goleiro Rodríguez quis sair jogando, mas se complicou ao tentar fazer um lançamento e Romero interceptou. O paraguaio acionou Wesley, que percebeu a posição adiantada e deu um tapa por cobertura para ampliar.

3×0 relâmpago: Aos 42′, logo após o reinício do jogo, Yuri aproveitou um recuo fraco de X e tocou na saída de Rodríguez para fazer o seu segundo, o terceiro do Corinthians na noite.

Defesa com a ponta dos dedos: Aos 15′ do 2º tempo, Raniele arrancou em contra-ataque e acionou Romero, que inverteu para Wesley. O camisa 36 partiu para dentro, calibrou o pé e mandou uma bomba, obrigando Rodríguez a mandar para escanteio no limite da luva.

Perigo adversário: Aos 21′, Verón recebeu na entrada da área, finalizou girando e acertou a lateral da rede pelo lado de fora.

Carlos Miguel seguro: Aos 33′, o Argentinos Juniors chegou mais uma vez, Perelló chutou de fora da área e Carlos Miguel pulou para espalmar.

4×0: Nos acréscimos finais, Fausto Vera ganhou dividida, invadiu a área e bateu na saída do goleiro para decretar a goleada com direito a “Lei do Ex”.

Ficha técnica

Corinthians 4 x 0 Argentinos Jrs

Competição: 5ª rodada da Sul-Americana

Local: Neo Química Arena, em São Paulo

Data e horário: 14 de maio de 2024, às 21h30

Árbitro: Felipe Gonzalez
Assistentes: José Retamal e Carlos Poblete
VAR: Fernando Vejar

Público: 40.049 torcedores
Amarelos: Oroz, Gamarra, Rodrigo Garro

Gols: Yuri Alberto, aos 9’/1ºT e 42’/1ºT, e Wesley, aos 40’/1ºT, e Fausto Vera, aos 49’/2ºT

Corinthians: Carlos Miguel; Fagner, Félix Torres (Gustavo Henrique), Cacá e Hugo; Raniele, Bidon e Garro (Coronado); Ángel Romero (Mosquito), Yuri Alberto (Pedro Raul) e Wesley (Fausto Vera). Técnico: António Oliveira

Argentinos Juniors: Rodríguez; Meza, Godoy, Palacio e Montiel; Gamarra (Herrera), Oroz (Cardozo), Vireros; Verón (Perelló), Romero (Heredia) e Batallini. Técnico: Pablo Guede.

Propaganda
Advertisement