Search
Close this search box.
RIO BRANCO
Search
Close this search box.

ESPORTES

Leila Pereira chama Textor de ‘irresponsável’ após relatório sugerir punição ao botafoguense

Publicado em

Leila Pereira, presidente do Palmeiras, voltou a criticar John Textor ao comentar o relatório publicado nesta sexta-feira, 5, que sugere a suspensão por seis anos e multa de R$ 2 milhões contra o dono da SAF do Botafogo.

“O relatório reforça o que temos falado nos últimos meses sobre o sr. John Textor. Trata-se de um irresponsável que precisa ser punido exemplarmente pelos crimes que tem cometido contra pessoas, clubes e entidades”, disse a presidente em comunicado.

Além do Palmeiras, São Paulo, Grêmio, Bahia, Flamengo, Atlético-MG e Fortaleza foram citados nas denúncias de Textor. O documento apontou as provas apresentadas pelo empresário como “imprestáveis” e as configurou como “ilícitos desportivos contra a honra de sete entidades desportivas, nove atletas e nove árbitros”.

Continua depois da publicidade

Para Leila, o comportamento do dono da SAF do Botafogo mancha a imagem do futebol nacional: “Estas denúncias mentirosas, feitas mediante a apresentação de provas forjadas, somente prejudicam a credibilidade do futebol brasileiro”.

O relatório afirma que Textor apresentou dois vídeos, um com 5min53s de duração e outro com pouco mais de 47 minutos, e sete pastas como provas para sua denúncia de manipulação de resultados no futebol brasileiro.

 

Propaganda
Advertisement