Search
Close this search box.
RIO BRANCO
Search
Close this search box.

GERAL

A Bebida Mais Cancerígena Do Mundo É Muito Popular No Brasil

Publicado em

Um alerta recente do Câncer FactFinder afirmou que o Brasil está consumindo bebida cancerígena. O site da Escola de Saúde Pública de Harvard afirmou que o consumo de bebidas alcoólicas, muito populares no Brasil, está diretamente associado ao aumento do risco de diversos tipos de câncer.

Segundo a Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC), o álcool é classificado como cancerígeno do Grupo 1, ou seja, comprovadamente cancerígeno para humanos.

drinques bebida alcoolica tequila cerveja chopp gim martini alcool copos tacas 1663094165597 v2 4x3
A bebida mais cancerígena do mundo é muito popular no Brasil 2

Entenda porque essas bebida são cancerígenas

Quando uma pessoa ingere bebidas alcoólicas, o corpo precisa metabolizar o álcool, processo que ocorre no fígado. Durante essa metabolização, é produzida uma substância química chamada acetaldeído, que é altamente tóxica e cancerígena.

Continua depois da publicidade

O acetaldeído danifica o DNA das células e prejudica sua capacidade de se reparar adequadamente, criando um ambiente propício para o desenvolvimento de células cancerosas. Além disso, a metabolização do álcool gera radicais livres, moléculas instáveis que podem causar danos celulares adicionais.

A maior produção de radicais livres leva ao estresse oxidativo, que altera o DNA e outros componentes celulares importantes, aumentando o risco de câncer. Outra consequência do consumo excessivo de álcool é o aumento dos níveis de estrogênio no corpo, um hormônio que está ligado ao desenvolvimento de cânceres como o de mama.

Estudos mostram que o consumo regular de bebidas alcoólicas está associado a diversos tipos de câncer, incluindo câncer de cabeça e pescoço, esôfago, fígado, mama e colorretal. Esses tipos de câncer representam uma parcela significativa das mortes por câncer no mundo, conforme dados da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Impactos Globais e Medidas de Prevenção

Segundo a OMS, os cânceres de pulmão, colorretal, fígado, estômago e mama são os mais letais globalmente. O câncer de pulmão, por exemplo, causou 1,8 milhão de mortes em 2020, com o tabagismo sendo a principal causa.

O câncer colorretal, que afetou 935 mil pessoas, pode se espalhar para outras partes do corpo, incluindo fígado e pulmões, aumentando sua letalidade. O câncer de fígado, responsável por 830 mil mortes, pode ser tratado com cirurgia ou transplante de fígado, mas a prevenção é sempre a melhor abordagem.

O câncer de estômago, que matou 769 mil pessoas, é influenciado por fatores como tabagismo e infecção pela bactéria H. pylori. O câncer de mama, o mais comum entre as mulheres em muitos países, foi responsável por 685 mil mortes em 2020. Detectado precocemente, ele é altamente tratável, mas continua sendo uma das principais causas de morte por câncer em mulheres.

Continua depois da publicidade

A conscientização sobre os riscos associados ao consumo de álcool é crucial. Reduzir o consumo de bebidas alcoólicas pode diminuir significativamente o risco de desenvolver esses tipos de câncer. Campanhas de saúde pública e programas de rastreamento são essenciais para a detecção precoce e tratamento eficaz, especialmente em países onde o consumo de álcool é elevado.

Propaganda
Advertisement