Search
Close this search box.
RIO BRANCO

GERAL

Governo emite COMUNICADO OFICIAL hoje (08/05/2024) sobre saque de R$ 400 para inscritos no Bolsa Família comprarem ALIMENTOS

Publicado em

Bolsa Família é um programa de transferência de renda que assegura um pagamento mínimo de R$ 600 para suas famílias inscritas. Além desse valor base, o programa conta com diversos benefícios adicionais que visam auxiliar as famílias em diferentes situações financeiras.

A saber, o Bolsa Família oferece uma série de benefícios extras que são regulamentados pelo governo federal. Esses valores adicionais variam de acordo com cada benefício e possuem regras específicas para liberação, mas todos exigem que o cadastro no CadÚnico esteja atualizado.

De acordo com o especialista Saulo Moreira, do Revista dos Benefícios, os benefícios extras do Bolsa Família são pagos de forma conjunta com o valor principal do programa. Isso significa que as famílias recebem os recursos em uma única parcela, depositada na conta da poupança social do aplicativo Caixa Tem, podendo ser movimentada por meio dessa plataforma.

Continua depois da publicidade

Comunicado Oficial sobre Saque de R$ 400

Recentemente, notícias sobre a liberação de um adicional de R$ 400 para que os beneficiários do Bolsa Família pudessem comprar alimentos geraram grande repercussão.

No entanto, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) emitiu um comunicado oficial esclarecendo que o governo federal não realiza a distribuição de cestas básicas por meio desse programa.

De acordo com o comunicado, o governo federal não está autorizando o saque de R$ 400 para que os beneficiários do Bolsa Família possam adquirir alimentos. Essa informação, portanto, não procede e deve ser tratada como uma notícia falsa, ou “fake news”.

De acordo o comunicado oficial, deixa claro que o Bolsa Família não realiza a distribuição de cestas básicas aos seus beneficiários. Essa é uma atribuição de outros programas sociais específicos, e não faz parte das ações do Bolsa Família.

Apesar da ausência de um saque extra de R$ 400, as famílias inscritas no Bolsa Família continuam recebendo o benefício principal, que garante um pagamento mínimo de R$ 600.

Esse valor é depositado regularmente na conta dos beneficiários, podendo ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem.

Continua depois da publicidade

Importância do Cadastro Atualizado

Para garantir o recebimento dos benefícios do Bolsa Família, é essencial que as famílias mantenham seu cadastro no CadÚnico atualizado.

Essa é uma condição fundamental para que o governo federal possa identificar a situação socioeconômica das famílias e conceder os recursos de forma adequada.

Acompanhamento das Parcelas

Os beneficiários do Bolsa Família podem acompanhar o pagamento de suas parcelas por meio do aplicativo Caixa Tem ou consultando o site oficial do programa.

Dessa forma, eles podem verificar se os valores estão sendo depositados corretamente e tomar as medidas necessárias, caso haja alguma irregularidade.

Benefícios adicionais regulamentados

Embora não haja a distribuição de um saque extra de R$ 400, o Bolsa Família conta com diversos benefícios adicionais que são devidamente regulamentados pelo governo federal. Esses valores extras visam atender às necessidades específicas das famílias inscritas no programa.

Diversidade de Benefícios Extras

Alguns dos benefícios extras do Bolsa Família incluem:

  • Benefício Variável Familiar
  • Benefício Variável Jovem
  • Benefício de Superação da Extrema Pobreza
  • Benefício Primeira Infância

Cada um desses benefícios possui suas próprias regras e critérios de elegibilidade, sendo importante que as famílias estejam atentas a esses detalhes.

Requisitos para Recebimento

Para ter acesso aos benefícios extras do Bolsa Família, é necessário que as famílias estejam com o cadastro no CadÚnico atualizado.

Essa é uma condição essencial para que o governo federal possa identificar a situação socioeconômica de cada família e conceder os recursos de forma adequada.

Propaganda
Advertisement