Search
Close this search box.
RIO BRANCO

GERAL

O papel das marcas na defesa de causas sociais e ambientais

Publicado em

Os consumidores estão cada vez mais conscientes do impacto que as escolhas de consumo podem ter na sociedade e no meio ambiente. Nesse contexto, as marcas têm adotado um novo papel, assumindo a responsabilidade de se posicionarem em causas sociais e ambientais.

Essa estratégia, além de contribuir para o bem-estar da comunidade e do planeta, pode influenciar na percepção do consumidor e nas decisões de compra.

Uma marca com propósito é aquela que busca ter um impacto positivo na sociedade, além do lucro financeiro. Isso pode ser feito por meio de apoio a projetos sociais, defesa de direitos humanos, causas ligadas ao meio ambiente, igualdade de gênero, entre outros.

Continua depois da publicidade

Ao posicionarem-se e conseguirem agir de forma coerente com esses valores, as marcas se conectam com os consumidores de uma maneira mais profunda, indo além da relação comercial tradicional.

Valores compartilhados, é assim que cada vez mais marcas e consumidores se alinham.

Os consumidores buscam marcas que se alinhem com crenças e que contribuem para a construção do que eles acreditam ser um mundo melhor.

Quando uma marca abraça uma causa social ou ambiental legítima e age de forma coerente, ela cria uma identificação forte com o público-alvo. Isso porque, na grande maioria, o consumidor enxerga que, por meio daquela marca, ele também está contribuindo, está fazendo parte de um projeto positivo e transformador.

Além disso, a defesa de causas sociais e ambientais pode gerar um efeito positivo na percepção da qualidade dos produtos ou serviços oferecidos pela marca.

Os consumidores têm a percepção de que empresas engajadas têm mais cuidado na produção, são mais éticas e responsáveis nas práticas comerciais. Isso pode levar a uma maior confiança na marca e influenciar na decisão de compra.

Um exemplo claro dessa tendência é o aumento do consumo de produtos sustentáveis. Hoje, os consumidores já se sentem dispostos a pagar um pouco mais por itens que são produzidos de forma ética, que promovem a reciclagem, que reduzem o impacto ambiental ou que apoiam comunidades que precisam.

Essa mudança de comportamento reflete a busca por marcas com propósito, que vão além do produto em si para uma preocupação com o coletivo.

Continua depois da publicidade

No entanto, é importante ressaltar que o engajamento de uma marca em qualquer causa deve ser autêntico e coerente. Toda a mudança dos consumidores inclui a atenção para campanhas de marketing vazias, conhecidas como “greenwashing” ou “causawashing”, em que as empresas usam essas causas como estratégia de marketing sem agir verdadeiramente em prol delas.

Isso pode ter o efeito contrário ao desejado, causando repúdio nos consumidores e o hoje tão famoso cancelamento.

Quando bem executado, o engajamento autêntico fortalece a reputação da marca, constroi relacionamentos sólidos com os consumidores e contribui para a construção de um mundo melhor.

A busca por um mundo mais justo e sustentável está se tornando um valor essencial na sociedade atual, e as marcas que abraçam essa responsabilidade têm a oportunidade de se destacar e construir relacionamentos duradouros com os consumidores.

O engajamento autêntico em causas sociais e ambientais traz benefícios significativos para as marcas: construção de reputação e imagem positiva; diferenciação no mercado; atração de consumidores engajados; fidelização de clientes; atração e retenção de talentos na equipe e contribuição para a sociedade e o meio ambiente.

Em resumo, o engajamento autêntico em causas sociais e ambientais é uma abordagem que vai além do lucro e cria valor compartilhado para todos os envolvidos.

Propaganda
Advertisement