Search
Close this search box.
RIO BRANCO

GERAL

Pelo menos três morrem em explosão em usina da Enel na Itália

Publicado em

Pelo menos três pessoas morreram e quatro estão desaparecidas após um incêndio e uma explosão subterrânea em uma usina hidrelétrica no norte da Itália nesta terça-feira, informou o prefeito local.

O grupo italiano de serviços públicos Enel confirmou que houve um incêndio em um dos transformadores de sua usina hidrelétrica em Bargi, perto de Bolonha.

O corpo de bombeiros disse mais cedo que uma explosão havia ocorrido por volta das 15h (horário local) em uma represa no Lago Suviana, que é um dos três lagos artificiais que alimentam a usina.

Continua depois da publicidade

Marco Masinara, prefeito da cidade vizinha de Camugnano, disse que três cadáveres foram encontrados e quatro pessoas estavam desaparecidas, enquanto três estavam “gravemente feridas” e foram levadas ao hospital.

Ele acrescentou que a indicação inicial era de que o incidente provavelmente foi causado por um defeito em uma turbina.

A Enel não comentou a causa. A empresa disse que a represa não foi danificada e que a usina estava desligada no momento do incidente, portanto não houve impacto no fornecimento de eletricidade.

Um vídeo fornecido pelos bombeiros mostrou uma fumaça espessa saindo da usina.

As mortes devem alimentar as preocupações expressas pelos sindicatos sobre a segurança no local de trabalho na Itália. Dois dos maiores sindicatos do país já estavam programados para realizar uma greve nacional de quatro horas na quinta-feira para protestar sobre a questão.

Em um acidente ocorrido em fevereiro, cinco trabalhadores morreram e três ficaram gravemente feridos durante a construção de um supermercado na cidade de Florença.

Continua depois da publicidade

A Enel disse que havia retirado os trabalhadores do local e estava coordenando com as equipes de resgate do corpo de bombeiros.

Masinara disse que as chamas irromperam abaixo do nível do solo, acrescentando que “a usina está toda abaixo do nível do lago, a cerca de 30 metros de profundidade”.

Ele disse à agência de notícias italiana Ansa que as informações iniciais sugeriam que o trabalho estava sendo feito em uma turbina no momento do acidente. “Disseram-me que a brigada de incêndio está tentando obter acesso, mas está tendo dificuldades”, acrescentou.

Propaganda
Advertisement