Search
Close this search box.
RIO BRANCO

GERAL

Ufac pretende recorrer de decisão que acabou com bônus regional

Publicado em

A Universidade Federal do Acre (Ufac) anunciou que pretende recorrer da decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, que derrubou o bônus regional de 15% concedido a candidatos que tenham cursado integralmente o ensino médio regular e presencial em instituições públicas ou privadas do Estado do Acre. A pró-reitora de Graduação da Ufac, Ednaceli Damasceno, expressou preocupação com a possível volta a um cenário anterior a 2018, quando o bônus regional foi aprovado pelo Conselho Universitário.

A instituição ainda não foi oficialmente notificada da decisão, mas está planejando recorrer. Segundo Damasceno, a falta de um projeto de lei para assegurar o bônus regional gera insegurança jurídica para a sociedade e as instituições que implementaram esse benefício devido às desigualdades educacionais, principalmente nas regiões Norte e Nordeste em relação às demais regiões.

Além disso, dados revelados em um relatório sobre a implementação do bônus regional apontam uma baixa retenção de estudantes do Acre após a formatura, especialmente no curso de Medicina. A análise mostra que apenas uma pequena porcentagem de formandos permanece no estado após concluir os estudos na Ufac.

Continua depois da publicidade

O bônus regional no Sistema de Seleção Unificada (SISU) tinha como objetivo corrigir desigualdades educacionais em determinados estados e regiões remotas, priorizando alunos que residem ou estudam na mesma localidade que a instituição.

Propaganda
Advertisement