Search
Close this search box.
RIO BRANCO

MUNDO

Família é internada com parasita raro após comer carne de urso

Publicado em

Uma família foi internada após contrair triquinelose, um raro tipo de verme. Durante a reunião familiar de moradores do estado de Dakota do Sul, nos Estados Unidos, o grupo comeu a carne de um urso negro que havia sido deixada 45 dias armazenada em um freezer.

Um relatório publicado pelo Centro de Controle de Doenças (CDC) dos EUA, ao qual o Terra teve acesso, traz detalhes do caso. Das nove pessoas presentes durante o churrasco, oito consumiram a carne e seis foram hospitalizadas com os vermes.

De acordo com o CDC, casos de triquinose humana nos Estados Unidos são raros e geralmente adquiridos pelo consumo de carne de caça selvagem. O caso, publicado pelo ógão no final de maio, ocorreu em julho de 2022.

Continua depois da publicidade

A carne havia sido grelhada com legumes e servida ainda malpassada. Entre os familiares infectados, duas pessoas que comeram apenas os legumes também contraíram o parasita. O grupo tomou um vermífugo forte e recebeu acompanhamento no hospital por alguns dias. Todos já estão recuperados.

As larvas, resistentes ao congelamento, foram encontradas na carne que restou da refeição por mais de 15 semanas. Para prevenir a triquinose, a carne deve ser cozida a uma temperatura interna superior a 165°F (cerca de 74°C).

 

Propaganda
Advertisement