RIO BRANCO

POLÍCIA

Casal do tráfico que mantinha rinha de galos é preso em Acrelândia

Publicado em

POLÍCIA

A Polícia Civil em Acrelândia prendeu um jovem de 18 anos e uma mulher de 36 anos nesta terça-feira (22), acusados de tráfico de drogas e mais tratos a animais em Acrelândia.

Segundo a Polícia Civil, o local onde o casal foi preso era ponto de venda de entorpecentes. A droga apreendida estava enterrada nos fundos do terreno envolta a um saco plástico.

A polícia apreendeu 69 porções de maconha, 26 de cocaína, 3 tabletes maconha pesando 300gm, 16 galos e R$ 5.304,00 oriundo da venda do entorpecente.

Continua depois da publicidade

O casal foi preso em posse do entorpecente e mantinha no quintal da residência uma espécie de criatório de galos de briga em regime confinado, trancafiados em gaiolas com espaço reduzido, além de proporcionar duelos entre os animais caracterizando prática ilegal.

“Vale ressaltar que as rinhas de galos foram proibidas no Brasil há 80 anos, com a publicação do Decreto Federal 24.645/1934, que entendeu a prática como causadora de maus-tratos aos animais envolvidos”, informa a assessoria da Polícia Civil.

Leia Também:  PM prende dois maiores e apreende menor vendendo drogas em residência na Vila Betel

Os presos foram encaminhados a delegacia pra lavratura de auto de prisão em flagrante e em seguida colocados a disposição da Justiça.

Continua depois da publicidade
Propaganda
Propaganda
Propaganda

POLÍCIA

POLÍTICA