Search
Close this search box.
RIO BRANCO

POLÍTICA

Acre terá voos internacionais para o Peru ainda este ano, anuncia presidente Gonzaga

Publicado em

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Luiz Gonzaga (PSDB), participou nesta terça-feira (4) de uma importante reunião para tratar de voos internacionais no Acre vindos do Peru e Bolívia.

Gonzaga se reuniu com o peruano Alejandro Salinas, diretor comercial do grupo Perbra Holding, empresa especializada em comércio bilateral entre o Perú e o Brasil, e o empresário do ramo de aeronaves, Erick Fernandes, para tratar dos detalhes da parceria que vai resultar em voos internacionais vindos do país vizinho com destino ao Acre e Rondônia.

O presidente da Aleac destacou a importância de voos entre Acre e Peru para a economia acreana. O parlamentar afirmou que a iniciativa vai gerar ainda mais emprego e renda ao povo acreano.

Continua depois da publicidade

“É uma conquista muito importante para o nosso estado. É uma parceria entre a Aleac, governo do Estado, FIEAC e empresários peruanos que estamos trabalhando para fomentar o comércio bilateral entre o Acre e Peru. O importante é não perdermos as oportunidades e focarmos em resultados para o povo acreano”, disse o deputado.

Gonzaga disse ainda que estará em Brasília na próxima semana para se reunir com o ministro dos Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, para tratar da redução do custos desses voos internacionais para o Acre.

“Estarei indo a Brasília em uma agenda com o senador Alan Rick e o ministro Silvio Costa para tratar da redução desses custos para os voos no Acre para que a população tenha condições de viajar”, disse o parlamentar.

O diretor Alejandro Salinas agradeceu ao presidente Luiz Gonzaga pela parceria e afirmou que a partir do segundo semestre deste ano já será disponibilizada a primeira rota de viagens entre o Acre, Peru e Bolívia.

“Quero agradecer o presidente Gonzaga pela parceria e por estar fomentando esse trabalho. Ele é importante para conseguirmos preços de passagens acessíveis para a população. A ideia é que a partir do segundo semestre já tenhamos a primeira rota que sairá de Pucallpa com destino a Cruzeiro do Sul, Rio Branco e Porto Velho. Depois vamos inaugurar a segunda rota que sairá de Rio Branco pousando em Cobija, Puerto Maldonado e Cusco. Os acreanos poderão viajar para países da América do Sul sem precisar passar por Brasília e São Paulo”, disse Salinas.

Além da capacidade para 20 passageiros, os voos da empresa Fênix também poderão transportar uma tonelada em cargas.

Continua depois da publicidade

“A gente vai poder trazer frutas e produtos perecíveis com um preço muito acessível para o mercado de Cruzeiro do Sul e Rio Branco. Assim também como os comerciantes acreanos poderão vender para outros países”, concluiu o diretor.

Propaganda
Advertisement