Search
Close this search box.
RIO BRANCO

POLÍTICA

Marido de diretora liga para vereador em tom de ameaça e pede voto favorável a Moção de Aplauso para sua esposa denunciada

Publicado em

Ao invés de tentar resolver os problemas e investigar as denúncias realizadas pelos parlamentares, a prefeitura de Rio Branco tenta fazer uma cortina de fumaça para defender aqueles que são “amigos do prefeito”.

Após uma denúncia do deputado Adailton Cruz, de possíveis abusos da diretora Michela Mônica Farias Lemos, da URAP Cláudia Vitorino, o vereador da base Francisco Piaba decidiu apresentar uma Moção de aplausos para homenagear a diretora. O que ele não contava era com os questionamentos do vereador N Lima, que se sentiu ameaçado após uma ligação do esposo de Michela, para ele ele voltasse a favor da Moção, apresentada na manhã desta quarta-feira, 15.

“Tivemos uma denúncia grave de um deputado, e já houve várias denúncias, como todos sabem aqui. Essa senhora, que eu não tenho nada contra ela, mas estou falando da Moção de Aplauso, já foi transferida de uma URAP porque tratava mal as pessoas. O que o deputado Adailton Cruz falou está nos jornais, e a responsabilidade foi jogada sobre o prefeito Tião Bocalom. Para votar por votar, voto não”, questionou N Lima.

Continua depois da publicidade

Na discussão, o vereador Marcos Luz disse se tratar de um tema muito particular, e que o vereador Piaba deve ter requerido a Moção de Aplauso por algo positivo que ele viu na unidade.

“Se um vereador apresenta uma Moção de Aplauso, é o olhar dele, eu voto com o vereador Piaba”, declarou Marcos Luz.

O autor da Moção de Aplauso, vereador Francisco Piaba, justificou sua indicação dizendo que conversou com os servidores e ninguém falou mal dela.

“Eu estive lá na URAP onde ela trabalha e conversei com várias pessoas, e não houve uma pessoa que falasse mal dessa mulher. Ela nem sabia que eu iria lá, então por isso essa Moção de Aplauso, e por isso peço o voto dos meus amigos aqui”, explicou Piaba.

A situação se complicou quando o vereador N Lima afirmou que o marido de Michela ligou para ele, durante a noite, pedindo que votasse a favor da Moção que seria apresentada hoje. N Lima ainda hesitou, parece que não queria falar, mas acabou revelando toda a tentativa de Piaba de mostrar que a diretora Michela é uma boa pessoa e trata bem os funcionários, algo que já foi denunciado na Assembleia Legislativa e está sob a visão do Ministério Público, desta vez por causa do ponto eletrônico. No entanto, já houveram outras situações em outra unidade de saúde, resultando em sua transferência para evitar expulsão. O vereador N Lima disse que não gosta de ser pressionado e, por isso, ia revelar algo que não gostou.

“Eu fui pressionado ontem à noite pelo esposo dessa senhora (Michela), me pedindo para votar nisso aqui, ‘porque, porque e porque'”, revelou o vereador, que disse ter respondido prontamente, afirmando que o cidadão havia ligado para a pessoa errada, pois seu voto seria com responsabilidade.

Continua depois da publicidade

Ao que parece, o vereador Piaba foi convocado a tentar “limpar a barra” da diretora Michela após a denúncia do deputado Adailton Cruz, mas não imaginava ser questionado por seu colega N Lima.

Por fim, N Lima disse que esse assunto não é novo, e que desde o tempo em que o atual deputado Adailton Cruz era vereador, Michela já era denunciada, mas tem “costas largas” e é amiga pessoal do Prefeito Bocalom.

“O Adailton disse muito bem, na época em que ele estava aqui e agora na Tribuna da Aleac, ‘Bocalom disse, o Adailton, disse lá dentro do posto e disse aqui nesta Câmara, que a senhora Michela é amiga pessoal dele e ele nunca ia tirá-la de lá’. Então pronto, isso nós já sabemos e já aconteceu aqui. E aí eu recebo um telefonema do marido dela me ameaçando quase. Foram mexer com a pessoa errada e meu voto é não”, disse N Lima.

Na oportunidade, a vereadora Elzinha Mendonça também se pronunciou contra a Moção, visto que ela está direcionada à diretora da URAP e não de forma particular.

“Eu vi a matéria e achei um absurdo. Por que eu votaria a favor de uma pessoa que destrata outras pessoas e está no meio do furacão e desse escândalo que está acontecendo? Meu voto será contra”, disse Elzinha.

O que é uma Moção de Aplauso?

A Moção de Aplauso é um instrumento de reconhecimento e estímulo a pessoas ou instituições que contribuem positivamente para a sociedade.

Propaganda
Advertisement