Search
Close this search box.
RIO BRANCO

POLÍTICA

Roberto Jefferson apresenta piora e “ouve vozes”, diz assessoria

Publicado em

Preso desde outubro do ano passado, o ex-deputado federal Roberto Jefferson apresenta quadro de “confusão mental”, não tem se alimentado e perdeu mais de 15 kg em sete meses, segundo divulgou sua assessoria neste domingo (4/6).

“Paciente com quadro de confusão mental, escala de coma de Glasgow 14, relatando ouvir vozes com mensagens inconsistentes com a realidade (alucinação auditiva), estado geral ruim, acianótico, eupneico, anictérico, hipocorado, desidratado, recusa alimentar”, informou a assessoria, em nota, neste domingo (leia a íntegra mais abaixo).

Nesse sábado (3/6), assessores de Jefferson informaram que o ex-deputado havia caído na cela. Ele aguarda autorização judicial para fazer exames fora da prisão, incluindo uma tomografia de crânio.

Continua depois da publicidade

Também no sábado, a Secretaria de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro (Seap) informou que já havia enviado toda a documentação médica sobre a saúde do detento para o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

A solicitação foi feita por Moraes após a defesa de Jefferson pedir transferência de Bangu 8, onde está preso, para um hospital particular. A assessoria do ex-deputado diz que ele precisa de tratamento devido à gravidade de seu estado de saúde.

Prisão de Roberto Jefferson

Roberto Jefferson foi preso após atirar cerca de 50 vezes e arremessar três granadas contra agentes da Polícia Federal que foram até sua casa cumprir um mandado de prisão expedido pelo ministro Alexandre de Moraes. A PF apreendeu armas, carregadores e mais de 8 mil munições.

Na ocasião, dos quatro agentes alvos dos ataques, dois ficaram feridos. Após o episódio, o ex-deputado virou réu por tentativa de homicídio, resistência qualificada, posse ilegal de armas e munições, e posse de três granadas adulteradas.

Confira íntegra da nota

Abaixo, leia a íntegra da nota divulgada pela assessoria de Jefferson na manhã deste domingo, sobre o estado de saúde atual do ex-deputado:

“Paciente com quadro de confusão mental, escala de coma de Glasgow 14, relatando ouvir vozes com mensagens inconsistentes com a realidade (alucinação auditiva), estado geral ruim, acianótico, eupneico, anictérico, hipocorado, desidratado, recusa alimentar. Apresenta hematoma em região frontal esquerda.

Continua depois da publicidade

Peso hoje 57,5kg – Peso em NOV/2022 74kg;

Paciente necessita de avaliação tomográfica de crânio seguida de avaliação neurocirúrgica em caráter de urgência devido a possível traumatismo craniano decorrente de queda;

Deve realizar exames de rastreio para recidiva de neoplasias. Solicito que tais exames sejam feitos com a máxima celeridade possível em decorrência da progressiva piora do estado geral do paciente, assim como sua perda ponderal;

Solicito que o mesmo seja supervisionado por equipe de saúde para tomada regular de suas medicações. Paciente possivelmente está fazendo uso irregular das mesmas em decorrência do seu estado mental debilitado;

A perda ponderal do paciente pode ser decorrente do quadro de depressão, agudização do hipotireoidismo devido a uso irregular de Levotiroxina ou ainda por conta de recidiva de neoplasia;

A Seap não dispõe dos meios para ofertar ao paciente o adequado cumprimento das medidas acima mencionadas.

Em destaque não dispomos de exames de imagem tomográfica, marcadores tumorais para rastreio de Neoplasias e dosagem de hormônios tireoidianos.”

Propaganda
Advertisement