Search
Close this search box.
RIO BRANCO

POLÍTICA

Tensão na Câmara: vereadores discutem superávit de R$ 59 milhões para asfaltamento

Publicado em

A Câmara Municipal de Rio Branco foi cenário de acalorados debates nesta quarta-feira, 29, antes da votação do Projeto de Lei Complementar que propõe a “Liberação de Crédito Adicional Suplementar por Superávit Financeiro” no valor de R$ 59 milhões, destinados ao programa “Asfalta Rio Branco”.

O vereador Fábio Araújo (MDB) deu início às discussões, expressando sua preocupação com os atrasos nos pagamentos às empresas envolvidas no programa. Ele enfatizou a importância de cobrar da prefeitura o cumprimento dos compromissos financeiros. “Se há um contrato, é fundamental que os pagamentos sejam efetuados de forma pontual”, ressaltou.

Em resposta, o líder do prefeito Tião Bocalom, vereador João Marcos Luz (PL), defendeu veementemente o projeto, acusando Araújo de disseminar informações inverídicas. Ele destacou a relevância do projeto para a população e instou a oposição a reconhecer a importância do programa “Asfalta Rio Branco”.

Continua depois da publicidade

A vereadora Elzinha Mendonça (PP) manifestou seu apoio ao projeto, porém ressaltou a necessidade de fiscalização e responsabilidade no processo. Ela enfatizou que fiscalizar e cobrar transparência da prefeitura faz parte de suas atribuições como vereadora. Além disso, Mendonça chamou a atenção para a importância do respeito mútuo entre os colegas e os empresários envolvidos no programa.

Esses debates intensos na Câmara Municipal refletem a diversidade de opiniões e a importância do diálogo construtivo no processo legislativo, visando garantir a transparência, eficiência e responsabilidade na gestão dos recursos públicos destinados ao desenvolvimento da cidade.

Propaganda
Advertisement