Search
Close this search box.
RIO BRANCO

RIO BRANCO

Acre com grande possibilidade de aumento de doenças respiratórias, revela boletim InfoGripe da Fiocruz

Publicado em

A mais recente atualização do Infogripe desta terceira semana de maio trouxe um alerta para a situação das Síndromes Respiratórias Agudas Graves (SRAGs) em vários estados, incluindo o Acre. De acordo com a plataforma da Fiocruz, 16 estados do Brasil registram um crescente número de SRAGs em sua tendência de longo prazo, destacando-se a perspectiva de aumento no Acre.

O mapa da Fiocruz revela que o Acre apresenta uma preocupante tendência de 75% de aumento dessas doenças no curto prazo. Enquanto em algumas regiões do Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste há uma desaceleração no vírus sincicial respiratório (VSR) e na influenza A, associada ao crescimento de SRAG em adolescentes e adultos, evidencia-se uma constante ascensão em várias localidades do país.

Entre as capitais brasileiras, 15 demonstram sinais de aumento de SRAG, com destaque para Rio Branco, capital do Acre. O Boletim InfoGripe Fiocruz divulgado recentemente reitera o alerta para as internações de SRAG, principalmente devido à influenza A e ao VSR, ainda em ascensão em diversas regiões do Brasil.

Continua depois da publicidade

A análise epidemiológica ressalta a necessidade de medidas preventivas e maior atenção à saúde respiratória, evidenciando a importância de estratégias de controle e proteção para conter a propagação dessas doenças e minimizar o impacto na população.

Propaganda
Advertisement