Search
Close this search box.
RIO BRANCO

RIO BRANCO

Luto: Falece Chiquinho Arigó, ícone da música acreana

Publicado em

No último domingo (14), o Acre perdeu um de seus músicos mais ilustres, Chiquinho Arigó, aos 85 anos de idade. Nascido em Ipueiras, interior do Ceará, Arigó chegou ao Acre em 1964, onde construiu uma carreira musical admirável e se tornou uma das figuras mais conhecidas da cena musical local.

Chiquinho Arigó veio a falecer no Hospital Santa Juliana, onde estava internado, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ao longo dos anos, ele conquistou um lugar de honra entre os artistas acreanos, principalmente por seu talento na sanfona, instrumento no qual foi considerado um verdadeiro mestre, seguindo os passos de seu ídolo, Luiz Gonzaga, o Rei do Baião.

Além de deixar um legado musical marcante, Chiquinho Arigó também deixa seu legado familiar. Ele é pai de Chico Chagas, um músico reconhecido nacionalmente, e de Graça Gomes, considerada uma das vozes mais belas da música acreana. Chiquinho também deixa sua filha Célia Gomes e sua viúva, dona Geilda.

Continua depois da publicidade

O velório de Chiquinho Arigó está ocorrendo na Capela São Francisco, na Isaura Parente, e o enterro será realizado nesta tarde no Cemitério São João Batista.

Propaganda
Advertisement