Search
Close this search box.
RIO BRANCO

POLÍCIA

Desacordo comercial resulta em atentado com duas mortes no Mato Grosso envolvendo médico formado no Acre e mãe

Publicado em

Na terça-feira (23), o médico formado no Acre, Bruno Gemilaki Dal Poz, de 28 anos, e sua mãe, Ines Gemilaki, de 48 anos, se entregaram à Polícia Civil no município de Peixoto de Azevedo, no Mato Grosso. Eles foram considerados suspeitos de envolvimento em um atentado armado que resultou na morte de duas pessoas no último domingo (21). Além deles, o marido de Ines, Marcio Ferreira Gonçalves, de 45 anos, e o irmão dele, Eder Gonçalves Rodrigues, também foram presos por suposto envolvimento no crime.

Imagens de uma câmera de segurança mostram Ines e Bruno invadindo uma residência e efetuando disparos. Ines, vestindo uma blusa azul, estava portando uma pistola, enquanto Bruno, vestido de branco, estava armado com uma espingarda calibre 12. Pelo menos oito pessoas estavam reunidas na casa no momento da invasão. Além das duas vítimas fatais, identificadas como Pilson Pereira da Silva, de 69 anos, e Rui Luiz Bogo, de 81 anos, um padre que também estava presente ficou ferido.

De acordo com a Polícia Civil, a motivação do crime seria um desentendimento comercial relacionado ao pagamento de aluguel da residência que foi invadida. Anteriormente, a propriedade era ocupada pela família Gemilaki. Durante a fuga, no domingo (21), a mãe e o filho foram flagrados comprando cerveja, água e refrigerantes em uma conveniência de um posto de combustível na cidade de Matupá, a cerca de 13 km do local do homicídio. Uma câmera de segurança registrou o momento em que Ines, apressada, conversava ao telefone enquanto realizava a compra.

Continua depois da publicidade

Bruno Gemilaki Dal Poz está registrado no Conselho Federal da categoria desde março de 2021. As investigações continuam para identificar todos os detalhes do caso, incluindo a motivação completa e possíveis cúmplices.

Propaganda
Advertisement

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply